Rammstein vai terminar? (nota oficial)

Rammstein vai terminar? (nota oficial)

Foi publicada hoje uma nota no site oficial desmentindo boatos de que a banda estaria planejando se separar. “Rammstein não tem ‘planos secretos’ para um ‘álbum de despedida’ nem uma ‘última turnê’. Mais »

Richard Kruspe diz que próximo álbum do Rammstein pode ser o último

Richard Kruspe diz que próximo álbum do Rammstein pode ser o último

A banda alemã Rammstein está atualmente trabalhando em seu sétimo álbum de estúdio  — e numa entrevista para o Resurrection Fest em julho, Kruspe falou sobre como o novo trabalho está se desenvolvendo. “Eu estava muito cético Mais »

Planos para o futuro e novo álbum

Planos para o futuro e novo álbum

Em entrevistas recentes, os membros da banda (na maioria das vezes Paul ou Richard) falaram, entre outras coisas, sobre os planos para o novo álbum de estúdio. Veja algumas das informações que Mais »

Rosenrot (2005)

  1. Benzin
  2. Mann Gegen Mann
  3. Rosenrot
  4. Spring
  5. Wo Bist Du
  6. Stirb Nicht Vor Mir
  7. Zerstören
  8. Hilf Mir
  9. Te Quiero Puta
  10. Feuer & Wasser
  11. Ein Lied
Benzin

Ich brauche Zeit, kein Heroin
kein Alkohol, kein Nikotin
Brauch keine Hilfe, kein Koffein
doch Dynamit und Terpentin
Ich brauche Öl für Gasolin
explosiv wie Kerosin
mit viel Oktan und frei von Blei
einen Kraftstoff wie Benzin

Brauch keinen Freund, kein Kokain
Brauch weder Arzt noch Medizin
Brauch keine Frau, nur Vaselin
etwas Nitroglyzerin
Ich brauche Geld für Gasolin
explosiv wie Kerosin
mit viel Oktan und frei von Blei
einen Kraftstoff wie Benzin

Gib mir Benzin

Es fließt durch meine Venen
Es schläft in meinen Tränen
Es läuft mir aus den Ohren
Herz und Nieren sind Motoren

Benzin

Willst du dich von etwas trennen
dann musst du es verbrennen
Willst du es nie wieder sehen
lass es schwimmen in Benzin

Ich brauch Benzin
Gib mir Benzin

Gasolina

Eu preciso de tempo, não preciso de heroína
nem de álcool, nem de nicotina
Eu não preciso de ajuda nem de cafeína
mas eu preciso sim de dinamite e terebentina(1)
Eu preciso de óleo para gasolina(2)
explosiva como querosene
com muitos octanos(3) e sem chumbo
um combustível como gasolina

Eu não preciso de um amigo, nem de cocaína
Eu não preciso de um médico nem de remédios
Eu não preciso de uma mulher, só de vaselina
alguma nitroglicerina
Eu preciso de dinheiro para gasolina
explosiva como querosene
com muita octana e sem chumbo
um combustível como gasolina

Dê-me gasolina

Ela flui em minhas veias
Ela dorme em minhas lágrimas
Ela vaza de meus ouvidos
Coração e rins são motores

Gasolina

Se você quer separar-se de alguma coisa
então você tem que incinerá-la
Se você nunca mais quer vê-la de novo
deixe-a nadar em gasolina

Eu preciso de gasolina
Dê-me gasolina

(1) Terebentina: alcatrão, óleo volátil usado como solvente.
(2) “Gasolin” na letra original não é uma palavra alemã, mas simplesmente a palavra em inglês usada no alemão. Entretanto, houve uma rede de postos de combustível chamada “Gasolin” que existiu por cerca de 20 anos.
(3 )Unidade em que se mede a octanagem (poder de explosão) de um combustível.

Mann Geggen Mann

Das Schicksal hat mich angelacht
und mir ein Geschenk gemacht
Warf mich auf einen warmen Stern
Der Haut so nah dem Auge fern
Ich nehm mein Schicksal in die Hand
Mein Verlangen ist bemannt

Wo das süße Wasser stirbt
weil es sich im Salz verdirbt
trag ich den kleinen Prinz im Sinn
Ein König ohne Königin
Wenn sich an mir ein Weib verirrt
dann ist die helle Welt verwirrt

Mann gegen Mann
Meine Haut gehört den Herren
Mann gegen Mann
Gleich und Gleich gesellt sich gern
Mann gegen Mann
Ich bin der Diener zweier Herren
Mann gegen Mann
Gleich und Gleich gesellt sich gern

Ich bin die Ecke aller Räume
Ich bin der Schatten aller Bäume
In meiner Kette fehlt kein Glied
wenn die Lust von hinten zieht
Mein Geschlecht schimpft mich Verräter
Ich bin der Alptraum aller Väter

Mann gegen Mann
Meine Haut gehört den Herren
Mann gegen Mann
Gleich und Gleich gesellt sich gern

Mann gegen Mann
Doch friert mein Herz an manchen Tagen
Mann gegen Mann
Kalte Zungen die da schlagen

Schwulah

Mich interessiert kein Gleichgewicht
Mir scheint die Sonne ins Gesicht
Doch friert mein Herz an manchen Tagen
Kalte Zungen die da schlagen

Schwulah
Mann gaygen Mann

Homem contra homem

O destino sorriu para mim
E me deu um presente
Me jogou numa estrela quente
Tão perto da pele, tão longe do olho
Eu pego meu destino nas minhas próprias mãos
Meu desejo está preenchido

Onde a água fresca morre
Porque ela mancha a si mesma em sal
Eu mantenho o Pequeno Príncipe em mente
Um rei sem rainha
Quando uma mulher está enganada sobre mim
Então o mundo inteiro está confuso

Homem contra homem
Minha pele pertence aos cavalheiros
Homem contra homem
Diga-me com quem andas que te direi quem és
Homem contra homem
Eu sou o servo de dois mestres
Homem contra homem
Diga-me com quem andas que te direi quem és

Eu sou o canto de todas as salas
Eu sou a sombra de todas as árvores
Nenhum elo falta em minha corrente (1)
Quando o desejo me puxa por trás
Meu sexo chama-me de traidor
Eu sou o pesadelo de todos os pais

Homem contra homem
Minha pele pertence aos cavalheiros
Homem contra homem
Diga-me com quem andas que te direi quem és

Homem contra homem
Mas meu coração congela em alguns dias
Homem contra homem
Línguas geladas que batem lá

Gay-ah (2)

Eu não estou interessado em equilíbrio
O sol brilha na minha face
Mas meu coração congela em alguns dias
Línguas geladas que batem lá

Gay-ah
Homem gay-para homem (3)

(1) Gíria: “Glied” pode ser tanto “elo” (de uma corrente) quanto “membro” – ou seja, “pênis”.
(2) Gíria: O grito (“Ah”) foi combinado com “Schwuler” (gíria pejorativa para homossexual, em alemão) para fazer “Schwulah”.
(3) Gíria: “Gegen” e “gay gen” soam iguais. O primeiro significa “contra”, o último “gay para”.

Rosenrot

Sah ein Mädchen ein Röslein stehen
Blühte dort in lichten Höhen
Sprach sie ihren Liebsten an
ob er es ihr steigen kann

Sie will es und so ist es fein
So war es und so wird es immer sein
Sie will es und so ist es Brauch
Was sie will bekommt sie auch

Tiefe Brunnen muss man graben
wenn man klares Wasser will
Rosenrot oh Rosenrot
Tiefe Wasser sind nicht still

Der Jüngling steigt den Berg mit Qual
Die Aussicht ist ihm sehr egal
Hat das Röslein nur im Sinn
Bringt es seiner Liebsten hin

Sie will es und so ist es fein
So war es und so wird es immer sein
Sie will es und so ist es Brauch
Was sie will bekommt sie auch

Tiefe Brunnen muss man graben
wenn man klares Wasser will
Rosenrot oh Rosenrot
Tiefe Wasser sind nicht still

An seinen Stiefeln bricht ein Stein
Will nicht mehr am Felsen sein
Und ein Schrei tut jedem kund
Beide fallen in den Grund

Sie will es und so ist es fein
So war es und so wird es immer sein
Sie will es und so ist es Brauch
Was sie will bekommt sie auch

Tiefe Brunnen muss man graben
wenn man klares Wasser will
Rosenrot oh Rosenrot

Tiefe Wasser sind nicht still

Rosa Vermelha (1)

Uma garota viu uma pequena rosa
Ela floresceu lá no cume brilhante
Ela perguntou ao seu amor
Se ele poderia trazê-la para ela

Ela a quer e tudo bem
Assim foi e assim sempre será
Ela a quer e esse é o hábito
Tudo que ela quer ela consegue

Poços profundos precisam ser cavados
Se você quiser água limpa
Rosa vermelha, oh Rosa vermelha
Águas profundas não são calmas

O menino sobe a montanha com sofrimento
Ele não liga para a vista
Apenas a pequena rosa está em sua mente
Ele a traz para seu amor

Ela a quer e tudo bem
Assim foi e assim sempre será
Ela a quer e esse é o hábito
Tudo que ela quer ela consegue

Poços profundos precisam ser cavados
Se você quiser água limpa
Rosa vermelha, oh Rosa vermelha
Águas profundas não são calmas

Em suas botas, uma pedra quebra
Não quer mais estar no penhasco
E um grito deixa que todos saibam
Ambos estão caindo em direção ao chão

Ela a quer e tudo bem
Assim foi e assim sempre será
Ela a quer e esse é o hábito
Tudo que ela quer ela consegue

Poços profundos precisam ser cavados
Se você quiser água limpa
Rosa vermelha, oh Rosa vermelha

Águas profundas não são calmas

(1) Essa música é inspirada e baseada no poema “Heidenröslein” de Goethe e na história “Schneewittchen und Rosenrot” dos Irmãos Grimm. (clique aqui para mais informações sobre o conto e o poema)

Spring

Auf einer Brücke ziemlich hoch
Hält ein Mann die Arme auf
Da steht er nun und zögert noch
Die Menschen strömen gleich zuhauf
Auch ich lass mir das nicht entgehen
Das will ich aus der Nähe sehen
Ich stell mich in die erste Reihe
und schreie

Der Mann will von der Brücke steigen
Die Menschen fangen an zu hassen
Bilden einen dichten Reigen
Und wollen ihn nicht nach unten lassen
So steigt er noch mal nach oben
Und der Mob fängt an zu toben
Sie wollen seine Innereien
Und schreien

Spring
Erlöse mich
Spring
Enttäusch mich nicht
Spring für mich
Spring ins Licht
Spring

Jetzt fängt der Mann zu weinen an
Heimlich schiebt sich eine Wolke
fragt sich Was hab ich getan
vor die Sonne es wird kalt
Ich wollte nur zur Aussicht gehen
die Menschen laufen aus den Reihen
und in den Abendhimmel sehen
Und sie schreien

Spring

Sie schreien
Spring
Erlöse mich
Spring
Enttäusch mich nicht
Spring für mich
Spring ins Licht
Spring

Heimlich schiebt sich eine Wolke
vor die Sonne es wird kalt
Doch tausend Sonnen brennen nur für dich
Ich schleich mich heimlich auf die Brücke
Tret ihm von hinten in den Rücken
Erlöse ihn von dieser Schmach
und schrei ihm nach

Spring

Spring
Erlöse dich
Spring
Enttäusch mich nicht
Spring für mich
Spring
Enttäusch mich nicht

Pule

Numa ponte, muito alta
Um homem mantém seus braços abertos
Alí ele permanece e ainda hesita
Logo as pessoas se aglomeram em multidões
Eu também não vou perder isso
Eu quero ver isso de perto
Eu chego na primeira fila
E gritam

O homem quer subir da ponte
As pessoas começam a odiar
Elas formam um público denso
E não querem deixá-lo descer
Então ele sobe de volta
E a multidão começa a enfurecer-se
Eles querem suas vísceras
E gritam

Pule
Me redima
Pule
Não me desaponte
Pule para mim
Pule para a luz
Pule

Agora o homem começa a chorar
Uma nuvem se move em segredo
Perguntando a si mesmo “o que eu fiz”
Na frente do sol, fica frio
“Eu apenas queria apreciar a vista”
As pessoas se desorganizam
E olhar para o céu da noite
E eles gritam

Pule

Eles gritam
Pule
Me redima
Pule
Não me desaponte
Pule para mim
Pule para a luz
Pule

Uma nuvem se move em segredo
Na frente do sol, fica frio
Mas mil sóis queimam apenas para você
Eu rastejo para a ponte em segredo
E chuto ele nas costas por trás
Eu o redimo dessa vergonha
E eu grito para ele

Pule

Pule
Se redima
Pule
Não me desaponte
Pule para mim
Pule
Não me desaponte

Wo bist du?

Ich liebe dich
Ich liebe dich nicht
Ich liebe dich nicht mehr
Ich liebe dich nicht mehr oder weniger als du
Als du mich geliebt hast
Als du mich noch geliebt hast

Die schönen Mädchen sind nicht schön
Die warmen Hände sind so kalt
Alle Uhren bleiben stehen
Lachen ist nicht mehr gesund und bald

Such ich dich hinter dem Licht
Wo bist du
So allein will ich nicht sein
Wo bist du

Die schönen Mädchen sind nicht schön
Die warmen Hände sind so kalt
Alle Uhren bleiben stehen
Lachen ist nicht mehr gesund, und bald

Such ich dich hinter dem Licht
Wo bist du
So allein will ich nicht sein
Wo bist du
Ich such dich unter jedem Stein
Wo bist du
Ich schlag mit einem Messer ein

Wo bist du

Onde você está? (1)

Eu amo você
Eu não amo você
Eu não amo mais você
Eu não amo mais você ou menos do que você
Do que você me amou
Quando você ainda me amava(1)

As belas garotas não são belas
As mãos quentes são tão frias
Todos os relógios pararam
Não é mais saudável rir, e breve

Eu olho para você atrás da luz
Onde você está
Eu não quero ficar só
Onde você está

As belas garotas não são belas
As mãos quentes são tão frias
Todos os relógios pararam
Não é mais saudável rir, e breve

Eu olho para você atrás da luz
Onde você está
Eu não quero ficar tão só
Onde você está
Eu procuro por você debaixo de cada pedra
Onde você está
Eu golpeio com uma faca

Onde está você

(1) Os primeiros versos são construídos a partir de uma frase onde vai se acrescentando uma ou duas palavras que acabam mudando totalmente o sentido do que foi dito até então. Não pode ser totalmente traduzido.

Stirb nicht vor mir

Die Nacht öffnet ihren Schoß
Das Kind heißt Einsamkeit
Es ist kalt und regungslos
Ich weine leise in die Zeit
Ich weiß nicht wie du heißt
Doch ich weiß dass es dich gibt
Ich weiß dass irgendwann
irgendwer mich liebt

He comes to me every night
No words are left to say
With his hands around my neck
I close my eyes and pass away

I don’t know who he is
In my dreams he does exist
His passion is a kiss
And I can not resist

Ich warte hier
Don’t die before I do
Ich warte hier
Stirb nicht vor mir

I don’t know who you are
I know that you exist
Stirb nicht
Sometimes love seems so far
Ich warte hier
Your love I can’t dismiss
Ich warte hier

Alle Häuser sind verschneit
Und in den Fenstern Kerzenlicht
Dort liegen sie zu zweit
Und ich
Ich warte nur auf dich

Ich warte hier
Don’t die before I do
Ich warte hier
Stirb nicht vor mir

I don’t know who you are
I know that you exist
Stirb nicht
Sometimes love seems so far
Ich warte hier
Your love I can’t dismiss

Stirb nicht vor mir

Não morra antes de mim

A noite abre sua capa
O nome da criança é solidão
Está gelada e imóvel
Eu choro suavemente no tempo
Eu não sei qual é seu nome
Mas eu sei que você existe
Eu sei que qualquer dia
Alguém irá me amar

Ele vem a mim toda noite
Não há palavras por falar
Com suas mãos em torno do meu pescoço
Eu fecho meus olhos e faleço

Eu não sei quem ele é
Em meus sonhos ele existe
Sua paixão é um beijo
E eu não posso resistir

Eu espero aqui
Não morra antes de mim
Eu espero aqui
Não morra antes de mim

Eu não sei quem você é
Eu sei que você existe
Não morra
As vezes o amor parece tão distante
Eu espero aqui
O seu amor eu não posso rejeitar
Eu espero aqui

Todas as casas estão cobertas de neve
E luz de velas nas janelas
Eles repousam lá juntos
E eu
Eu apenas espero por você

Eu espero aqui
Não morra antes de mim
Eu espero aqui
Não morra antes de mim

Eu não sei quem você é
Eu sei que você existe
Não morra
As vezes o amor parece tão distante
Eu espero aqui
O seu amor eu não posso rejeitar

Não morra antes de mim

Zerstören

Meine Sachen will ich pflegen
Den Rest in Schutt und Asche legen
Zerreißen zerschmeißen
Zerdrücken zerpflücken
Ich geh am Gartenzaun entlang
Wieder spür ich diesen Drang
Ich muss zerstören
Doch es darf nicht mir gehören
Ich muss zerstören
Doch es darf nicht mir gehören

Nein

Ich nehme eure Siebensachen
Werde sie zunichte machen
Zersägen zerlegen
Nicht fragen zerschlagen
Und jetzt die Königsdisziplin
Ein Köpfchen von der Puppe ziehen
Verletzen zerfetzen zersetzen
Zerstören
Doch es darf nicht mir gehören
Ich muss zerstören

Nein

Ich würde gern etwas zerstören
Doch es darf nicht mir gehören
Ich will ein guter Junge sein
Doch das Verlangen holt mich ein
Ich muss zerstören
Doch es darf nicht mir gehören

Nein

Zerreißen zerschmeißen
Zerdrücken zerpflücken
Zerhauen und klauen
Nicht fragen zerschlagen
Zerfetzen verletzen
Zerbrennen dann rennen
Zersägen zerlegen
Zerbrechen sich rächen

Er traf ein Mädchen, das war blind
Geteiltes Leid und gleichgesinnt
Sah einen Stern vom Himmel gehen
Und wünschte sich sie könnte sehn

Sie hat die Augen aufgemacht
Verließ ihn noch zur selben Nacht

Destruir

Eu quero cuidar das minhas coisas
e reduzir o resto a pedaços
Rasgando, agredindo
Esmagando, roubando
Eu vou além da cerca do jardim
E sinto o desejo de novo
eu tenho que destruir
Mas isso não pode fazer parte de mim
Eu tenho que destruir
Mas isso não pode fazer parte de mim

Não

Eu vou pegar seus pertences
e aniquilá-los
Serrando, desnudando
Sem pedir, esmagando
E agora o castigo supremo
Arrancando a cabeça de uma boneca
Machucando, rasgando, corroendo
Destruindo
Mas isso não pode fazer parte de mim
Eu tenho que destruir

Não

Eu gostaria de destruir alguma coisa
Mas isso não pode fazer parte de mim
Eu quero ser um bom menino
Mas o desejo me alcança
Eu tenho que destruir
Mas isso não pode fazer parte de mim

Não

Rasgando, agredindo
Esmagando, roubando
Cortando e furtando
Sem pedir, amassando
Rasgando, machucando
Queimando, então correndo
Serrando, desnudando
Quebrando, vingando

Ele encontrou uma garota que era cega
Partilhou dor e tendeu a gostar
Viu uma estrela cadente no céu
E desejou que ela pudesse enxergar

Ela abriu os olhos
E o abandonou na mesma noite

Hilf mir

Ich war ganz allein zu Haus
Die Eltern waren beide aus
Da sah ich plötzlich vor mir stehen
Ein Schächtelchen nett anzusehen

Ei sprach ich wie schön und fein
Das muss ein trefflich Spielzeug sein
Ich zünde mir ein Hölzchen an
Wie’s oft die Mutter hat getan

Immer wenn ich einsam bin
Zieht es mich zum Feuer hin
Warum ist die Sonne rund
Warum werd ich nicht gesund

Es greift nach mir ich wehr mich nicht
Springt mir mit Krallen ins Gesicht
Es beißt sich fest es schmerzt mich sehr
Ich spring im Zimmer hin und her

Oh weh die Flamme fäßt das Kleid
Die Jacke brennt es leuchtet weit
Es brennt die Hand es brennt das Haar
Ich brenn am ganzen Leib sogar

Immer wenn ich einsam bin
Zieht es mich zum Feuer hin
Warum ist die Sonne rund
Warum werd ich nicht gesund –
Das Feuer liebt mich
Hilf mir
Das Feuer liebt mich nicht –
Das Feuer liebt mich

Ich bin verbrannt mit Haut und Haar
Verbrannt ist alles ganz und gar
Aus der Asche ganz allein
Steig ich auf zum Sonnenschein
Das Feuer liebt mich
Das Feuer liebt mich nicht

Hilf mir

Ajude-me

Eu estava sozinha em casa
Ambos meus pais estavam fora
Alí diante de mim eu repentinamente ví
Uma pequena caixa, legal de se olhar

Oh, eu disse, que bonita e bela
Isso deve ser um brinquedo esplêndido
Eu acendo um fósforo
Como mamãe sempre fez

Toda vez que eu estou sozinha
Sou arrastada para o fogo
Porque o sol é redondo
Porque eu não fico saudável

Ele me alcança, eu não resisto
Pula com garras para minha face
Morde forte, causa-me muita dor
Eu pulo ao redor da sala

Oh não, a chama toca meu vestido
Minha blusa queima, brilha ao longe
Minha mão queima, meu cabelo queima
De fato todo o meu corpo está queimando

Toda vez que eu estou sozinha
Sou arrastada para o fogo
Porque o sol é redondo
Porque eu não fico saudável –
O fogo me ama
Ajude-me
O fogo não me ama –
O fogo me ama

Eu fui totalmente queimada
Tudo está completamente queimado
Das cinzas, completamente sozinha
Eu subo para a luz do sol
O fogo me ama
O fogo não me ama

Ajude-me

Nota: Esta música é inspirada na pequena história “Die gar traurige Geschichte mit dem Feuerzeug”, de Der Struwwelpeter.

Te Quiero Puta

Hey amigos…

Adelante amigos…
Vamos vamos mi amor
Me gusta mucho tu sabor
No no no no tu corazón
Mucho mucho tu limón
Dame de tu fruta
Vamos mi amor…
Te quiero puta!
Te quiero puta!
Ay que rico

Ay que rico un dos  tres
Sí te deseo otra vez
Pero no no no tu corazón
Más más más de tu limón
Querido
Dame de tu fruta
Dame de tu fruta
Vamos mi amor…
Te quiero puta!
Te quiero puta!
Ay que rico

Entre tus piernas voy a llorar
Feliz y triste voy a estar
Feliz y triste voy a estar

Más más más por favor
Más más más sí sí señor
Más más más por favor
Más más más sí sí señor
No me tengas miedo
No te voy a comer
Más más más por favor
Más más más sí sí señor
Sí sí señor

Te quiero puta!
Te quiero puta!
Dámelo dámelo
Te quiero puta!

Te amo, puta

Ei amigos…

Adiante amigos…
Vamos, vamos, meu amor
Me agrada muito o seu sabor
Não, não, não, não seu coração
Muito, muito, seu limão
Dê-me sua fruta
Vamos, meu amor…
Te amo, puta!
Te amo, puta!
Ai, tão bom

Ai tão bom, um, dois,  três
Sim, te desejo outra vez
Mas não, não, não seu coração
Mais, mais, mais do seu limão
Querido
Dê-me sua fruta
Dê-me sua fruta
Vamos, meu amor…
Te amo, puta!
Te amo, puta!
Ai, tão bom

Entre suas pernas vou chorar
Feliz e triste vou estar
Feliz e triste vou estar

Mais, mais, mais por favor
Mais, mais, mais sim, senhor
Mais, mais, mais por favor
Mais, mais, mais sim, senhor
Não tenha medo de mim
Não vou te comer
Mais, mais, mais por favor
Mais, mais, mais sim, senhor
Sim, sim senhor

Te amo, puta!
Te amo, puta!
Dê-me, dê-me
Te amo, puta!

Feuer & Wasser

Wenn sie Brust schwimmt ist das schön
dann kann ich in ihr Zentrum sehn
Nicht dass die Brust das Schöne wär
Ich schwimm ihr einfach hinterher
Funkenstaub fließt aus der Mitte
ein Feuerwerk springt aus dem Schritt

Feuer und Wasser kommen nicht zusammen
Kann man nicht binden sind nicht verwandt
In Funken versunken steh ich in Flammen
und bin im Wasser verbrannt
Im Wasser verbrannt

Wenn sie nackt schwimmt ist das schön
dann will ich sie von hinten sehn
Nicht dass die Brüste reizvoll wären
Die Beine öffnen sich wie Scheren
Dann leuchtet heiß aus dem Versteck
die Flamme aus dem Schenkeleck

Sie schwimmt vorbei bemerkt mich nicht
Ich bin ihr Schatten sie steht im Licht
Da ist keine Hoffnung und keine Zuversicht
denn

Feuer und Wasser kommt nicht zusammen
Kann man nicht binden sind nicht verwandt
In Funken versunken steh ich in Flammen
und bin im Wasser verbrannt
So kocht das Blut in meinen Lenden
Ich halt sie fest mit nassen Händen
Glatt wie ein Fisch und kalt wie Eis
sie wird sich nicht an mich verschwenden
Ich weiß

Feuer und Wasser kommt nicht zusammen
Kann man nicht binden sind nicht verwandt
In Funken versunken steh ich in Flammen
und bin im Wasser verbrannt

Fogo & Água

É lindo quando ela nada de peito
Então eu posso ver dentro da sua essência
Não são os seios que são lindos
Eu apenas nado atrás dela
Pó faiscante emerge do núcleo
Fogos de artifício disparam dentre as pernas dela

Fogo e água não vêm juntos
Não podem ser atados, não são relacionados
Submerso em fagulhas, eu estou em chamas
e estou queimado na água
Queimado na água

É lindo quando ela nada nua
então eu quero vê-la por trás
Não que os seios sejam atrativos
As pernas dela abrem como tesouras
Então de seu esconderijo, a chama
brilha ardentemente de onde suas coxas se encontram

Ela termina de nadar e não me nota
Eu sou a sombra dela, ela permanece na luz
Não há esperança e nem confidência

Fogo e água não vêm juntos
Não podem ser atados, não são relacionados
Submerso em fagulhas, eu estou em chamas
e estou queimado na água
Desse modo, o sangue ferve em meus quadris
Eu a agarro com mãos molhadas
Lisa como um peixe e fria como gelo
Ela não vai se destruir em mim
Eu sei

Fogo e água não vêm juntos
Não podem ser atados, não são relacionados
Submerso em fagulhas, eu estou em chamas
e estou queimado na água

Ein Lied

Wer Gutes tut dem wird vergeben
So seid recht gut auf allen Wegen
Dann bekommt ihr bald Besuch
wir kommen mit dem Liederbuch

Wir sind für die Musik geboren
Wir sind die Diener eurer Ohren
Immer wenn ihr traurig seid
spielen wir für euch

Wenn ihr ohne Sünde lebt
Einander brav das Händchen gebt
Wenn ihr nicht zur Sonne schielt
wird für euch ein Lied gespielt

Wir sind die Diener eurer Ohren
Wir sind für die Musik geboren
Immer wenn ihr traurig seid
spielen wir für euch

Wenn ihr nicht schlafen könnt
sei euch ein Lied vergönnt
Und der Himmel bricht
Ein Lied fällt weich vom Himmelslicht

Wir sind für die Musik geboren
Wir sind die Diener eurer Ohren
Immer wenn ihr traurig seid
spielen wir für euch

Uma Canção

Qualquer um que faça o bem será perdoado
Portanto seja bom em todas as suas jornadas
Então você terá visitantes em breve
Nós chegaremos com o livro de músicas

Nós nascemos da música
Nós somos servos dos seus ouvidos
Na hora em que você está triste
Nós tocamos para você

Se você viver sem pecados
E derem as mãos uns aos outros
Se você não olhar no sol
uma canção será tocada para você

Nós somos servos dos seus ouvidos
Nós nascemos da música
Na hora em que você está triste
nós tocamos para você

Quando você não consegue dormir
Você pode ser tratado com uma canção
E o céu se abre
Uma canção cai suavemente da luz do paraíso

Nós somos servos dos seus ouvidos
Nós nascemos da música
Na hora em que você está triste
nós tocamos para você

Traduções livres de Lucas Fazioli Fedele e Márcia Mitozo Alves a partir das versões em inglês do site Herzeleid.com